Blog da Marcy: Atualidades





.

Mostrando postagens com marcador Atualidades. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Atualidades. Mostrar todas as postagens

Ditadura da Beleza é Tema do Desafio PhotoChallenge

30/04/2019

 Desafio PhotoChallenge Traz Debate e Reflexão Sobre a Ditadura da Beleza

Ditadura da Beleza é tema do Desafio PhotoChallenge


Sobre o PhotoChallenge

O PhotoChallenge é um desafio acadêmico que tem como objetivo principal a promoção de debate e reflexão sobre temas relevantes na sociedade, com o  intuito de estimular estudantes a se engajarem em projetos fotográficos de cunho político, cultural e social.  

A Ditadura da Beleza foi o tema escolhido este ano é, já que as pessoas sofrem diariamente com a busca pela aparência perfeita, isso por não se sentirem dentro do padrão de beleza estabelecido. E isso faz com muitas pessoas de sintam excluídos da sociedade.

O desafio terá a participação de estudantes matriculados em instituições de ensino superior, do mundo todo. E estes  poderão representar através da fotografia esse problema. As fotos serão avaliadas e julgadas pelo

Um comitê de jurados avaliará as fotos  e levarão em conta os seguintes critérios: criatividade, qualidade técnica e tema.


Premiação do Desafio PhotoChallenge

O prêmio de $4.000 dólares irá para foto vencedora, e será doada a quantia de $1.000 dólares a uma das ONGs apoiadoras do desafio, que o vencedor  escolherá.



Inscrições

As inscrições irão até 31 de Outubro de 2019 e devem ser feitas exclusivamente pelo portal oficial do concurso.

Informações sobre as prazos, regras e sobre o PhotoChallenge 2019 nos termos e condições do concurso.


Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha

19/07/2018


Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha


No dia 25 de julho é comemorado o Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha, e no Brasil também é o dia de Tereza de Benguela e da Mulher Negra.

As mulheres negras por sofrerem com o racismo estão em maior vulnerabilidade social, são as elas o maior número de mulheres que sofrem de abuso sexual, violência obstétrica e homicídio.

Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), dos 25 países com os maiores índices de feminicídio do mundo, 15 estão localizados na América Latina e no Caribe.

O Mapa da Violência 2016, mostrou que os homicídios de mulheres negras no Brasil aumentaram 54% em dez anos, passando de 1.864, em 2003, para 2.875, em 2013 (enquanto os casos com mulheres brancas caíram 10%)

Um Pouco Sobre As origens do Dia da Mulher Negra Latina e Caribenha

Em 1992 em Santo Domingo, na República Dominicana, com a realização do 1º Encontro de Mulheres Afro-latino-americanas e Afro-caribenhas, houve a criação da Rede de Mulheres Afrolatinoamericanas e Afro-caribenhas e a definição do dia 25 de julho como Dia da Mulher Negra Latina e Caribenha, sendo reconhecida pela ONU.

No Brasil

Nosso país tem o maior índice de feminicídios na América Latina e em 2014 a Lei nº 12.987 foi sancionada pela presidenta Dilma Rousseff, como o Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra.

Tereza de Benguela foi uma líder quilombola, viveu durante o século 18. Com a morte do companheiro, Tereza se tornou a rainha do quilombo, e, sob sua liderança, a comunidade negra e indígena resistiu à escravidão por duas décadas.

Não diferente do Dia Internacional da Mulher (comemorado em 8 de março), o 25 de Julho tem como objetivo fortalecer as organizações voltadas às mulheres negras e reforçar seus laços, pressionando o poder público, trazendo maior visibilidade para sua luta.


Política de Privacidade

02/07/2018



Política de privacidade para Blog da Marcy

Todas as suas informações pessoais recolhidas, serão usadas para o ajudar a tornar a sua visita no nosso site o mais produtiva e agradável possível.
A garantia da confidencialidade dos dados pessoais dos utilizadores do nosso site é importante para o Blog da Marcy.
Todas as informações pessoais relativas a membros, assinantes, clientes ou visitantes que usem o Blog da Marcy serão tratadas em concordância com a Lei da Proteção de Dados Pessoais de 26 de outubro de 1998 (Lei n.º 67/98).
A informação pessoal recolhida pode incluir o seu nome, e-mail, número de telefone e/ou telemóvel, morada, data de nascimento e/ou outros.
O uso do Blog da Marcy pressupõe a aceitação deste Acordo de privacidade. A equipa do Blog da Marcy reserva-se ao direito de alterar este acordo sem aviso prévio. Deste modo, recomendamos que consulte a nossa política de privacidade com regularidade de forma a estar sempre atualizado.

Os anúncios

Tal como outros websites, coletamos e utilizamos informação contida nos anúncios. A informação contida nos anúncios, inclui o seu endereço IP (Internet Protocol), o seu ISP (Internet Service Provider, como o Sapo, Clix, ou outro), o browser que utilizou ao visitar o nosso website (como o Internet Explorer ou o Firefox), o tempo da sua visita e que páginas visitou dentro do nosso website.

Cookie DoubleClick Dart

O Google, como fornecedor de terceiros, utiliza cookies para exibir anúncios no nosso website;
Com o cookie DART, o Google pode exibir anúncios com base nas visitas que o leitor fez a outros websites na Internet;
Os utilizadores podem desativar o cookie DART visitando a Política de privacidade da rede de conteúdo e dos anúncios do Google.

Ligações a Sites de terceiros

O Blog da Marcy possui ligações para outros sites, os quais, a nosso ver, podem conter informações / ferramentas úteis para os nossos visitantes. A nossa política de privacidade não é aplicada a sites de terceiros, pelo que, caso visite outro site a partir do nosso deverá ler a politica de privacidade do mesmo.
Não nos responsabilizamos pela política de privacidade ou conteúdo presente nesses mesmos sites.

Sobre Consumo Consciente

03/05/2018

Sobre Consumo Consciente
Olá Pessoas!!
Tempos atras falei sobre Crescimento Econômico x Desenvolvimento Econômico, hoje falarei um pouco sobre Consumo Consciente.


Já parou para pensar se o seu consumo é feito de forma consciente?

⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Consumir de forma consciente é fundamental para minimizar os impactos negativos no meio ambiente. Consumo Consciente envolve como e de quem você consome e qual será o destino final.

De nada adianta você usar sacolas retornáveis, se a empresa que a produz não tem uma consciência ambiental, ou consumir produtos orgânicos de uma produtor que não cumpre as leis trabalhistas, por exemplo


Segundo o Ministério do Meio Ambiente dois terços dos brasileiros desconhecem o termo "consumo consciente", e dos que disseram saber do significado definiram como ato de consumir produtos ou serviços que não agridam o meio ambiente e nem a saúde humana.


Para Instituto Akatu “consumir de forma consciente" é levar em consideração os impactos ambientais e sociais da produção, uso e descarte de produtos e serviços.

E você o que faz em prol de um consumo consciente?
.

US$6 mil para melhor projeto de moda sustentável em concurso global

19/04/2018


Olá Pessoas! 


As inscrições para o Sustainable Fashion Awards 2018 já começaram, esse concurso internacional traz em sua primeira edição o tema a moda sustentável.


Esse concurso é uma realização do site Jak&Jil, que é uma plataforma de compras de moda online do Mucca. E tem como público alvo profissionais e marcas de moda no mundo inteiro, comprometidos na busca por processos produtivos mais sustentáveis e éticos no "mercado fashion".

Os projetos enviados podem ser uma coleção completa ou uma peça única, desde que mostrem pelo menos uma das ações elegíveis como sustentáveis pelos organizadores do evento. Verifique as regras no edital do concurso.


O júri que elegerá o melhor projeto é formado por voluntários de diferentes países,
jurados esses que atuam em questões relacionadas à sustentabilidade no mundo da moda.

O projeto melhor avaliado receberá uma premiação no valor de US$6 mil em dinheiro, sendo metade desse para o vencedor e outra metade destinados à ONG que ele escolher.



Conhece alguém ou marca  que produz moda sustentavelmente? Compartilha esse post.

Produz moda de forma sustentável? Inscreva-se em jakandjil.com.br até o dia 31 de outubro.








Kwanzaa, o natal africano – que festeja a valorização dos afrodescendentes e a união

24/12/2017




Kwanzaa, o natal africano

De caráter interreligioso Kwanzaa é uma festa que dura sete dias, e que é muito popular na comunidade afroamericana.

Como surgiu?

Depois da violenta rebelião de Watts, (provocada por abuso policial contra um jovem negro nos ano de1960) o professor  Dr. Maulana Karenga, ativista dos direitos civis nos anos 60 criou para uma celebração com finalidade de unir os afroamericanos baseado nos costumes do continente africano. Surgiu assim o Kwanzaa que vem da frase “matunda ya kwanza”, que quer dizer “primeiros frutos” em suaíli (língua orignária no Quênia).

Como é?

A celebração do Kwanzaa varia de família para família, mas geralmente incluem batucadas, danças e canções, com tambores africanos, leitura de histórias e poesias e refeição tradicional. A celebração inicia no dia 26 de dezembro e encerra no dia 1º de janeiro.

Durante as sete noites, a família se reúne  ao redor  das luzes uma das velas no Kinara (castiçal) onde discute se os princípios da Kwanzaa, princípios esses, chamados de Saba Nguzo que são valores da cultura africana importantes para a construção da comunidade entre afrodescendentes.

No Kinara são colocadas 7 velas, cada uma faz referencia a um princípio. No altar são colocadas frutas frescas e uma espiga de milho para cada criança que houver na casa e a cada dia uma vela de cor diferente deve ser acesa. Após acesa a vela todos bebem de uma mesma taça em reverência aos antepassados, e saúdam com a expressão “Harambee”, que significa “reúnam todas as coisas” ou “vamos fazer juntos”.

As velas no Kinara são colocadas da seguinte forma: no centro há uma vela preta representando o primeiro princípio união 
 🔸 à direita da vela preta estão posicionadas as três velas verdes, representando os princípios de trabalho coletivo e responsabilidade , próposito e  

🔸 à esquerda da vela preta estão posicionadas as três velas vermelhas, representando os princípios de autodeterminação , economia cooperativa e criatividade;


 No dia 1º de janeiro acontece a grande celebração com muita comida, alegria e onde cada criança deve ganhar três presentes que devem ser simples, incluindo livro, um objeto simbólico africano e um brinquedo

À todos Happy Kwanzaa!!


Crescimento Econômico x Desenvolvimento Econômico

19/10/2017

Crescimento Econômico e Desenvolvimento Econômico

Qual a diferença entre crescimento e desenvolvimento econômico? 
Muitas pessoas se confundem quando o assunto é Crescimento e Desenvolvimento Econômico.


Crescimento Econômico - é o aumento do Produto Interno Bruto (PIB), é calculado através da soma de todos os produtos e serviços finais de uma região para um determinado período 📈



Já o Desenvolvimento Econômico está relacionado ao bem estar da população.


Ele é qualitativo, e medido
através de indicadores de educação, violência, saúde, renda, pobreza, etc. 🚑🚔🎓
Atualmente o Índice de Desenvolvimento Humano - IDH é o critério mais utilizado para analisar o desenvolvimento de diferentes economias.

Porém Crescimento Econômico não garante o Desenvolvimento Econômico. .
Uma região/país pode crescer economicamente e esse crescimento beneficiar apenas uma pequena parcela da população.

Em breve falarei aqui no blog sobre Consumo Consciente.

E você já sabia a diferença?

Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha

25/07/2017


Em 1992 em Santo Domingo, na República Dominicana, com a realização do 1º Encontro de Mulheres Afro-latino-americanas e Afro-caribenhas, criação da Rede de Mulheres Afro-latino-americanas e Afro-caribenhas e a definição do 25 de julho como Dia da Mulher Afro-latino-americana e Caribenha.

〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰 

No Brasil
Em 2014 a Lei nº 12.987, foi sancionado pela presidenta Dilma Rousseff, como o Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra.

〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰 

Sobre Tereza de Benguela
Tereza de Benguela foi uma líder quilombola, viveu durante o século 18. Com a morte do companheiro, Tereza se tornou a rainha do quilombo, e, sob sua liderança, a comunidade negra e indígena resistiu à escravidão por duas décadas


Tempos de mudanças - Globeleza vem vestida e mostrando a diversidade do carnaval brasileiro

09/01/2017

Globeleza 2017
Domingão a noite lá estava eu esperando o fantástico acabar para assistir o filme que viria na sequência. 
Quando o apresentador mencionou mostrar a vinheta do carnaval 2017. E logo imaginei "nada novo sob sol" fiquei até imaginando quais seriam as cores que estariam pintando o corpo da Globeleza. Será que usariam a cartela de tom anunciado pela Pantone como a cor de 2017,  o Verde Greenery?

Para minha surpresa ao contrário que vinha sendo mostrado de 1991 quando a Globo criou  vinheta,  a Globeleza veio vestida, e mostrando a diversidade do carnaval no brasileiro. Pois antes ela fazia referência unica e exclusivamente ao carnaval carioca. 

A personagem sempre trouxe a objetificação da corpo da Mulher Negra, que ganha destaque nessa época.

Gostei muito da mudança, pois os Movimentos Sociais têm discutido
 muito a questão da objetificação do corpo feminino, do feminicídio em nosso país e da cultura do estrupo.

Estaria a Globo atenta aos questionamentos dos Movimentos Sociais?

Muito louvável a percepção da emissora que é a maior do pais ter tornando os poucos segundo  da vinheta em algo realmente cultural.



Nossas Mulheres Negras

11/03/2016


No dia 8 de março - Dia Internacional da Mulher, nós  Blogueiras e YouTubers Negras resolvemos homenagear as mulheres negras que nos inspiram.

Com a hashtag Nossas Mulheres Negras neste dia Internacional da Mulher nós mulheres negras contamos nossas histórias.

E claro eu amei a ideia e contei um pouco da história da mulher negra incrível que me inspira. Confira no vídeo 

E você qual mulher te inspira?




Feminismo Negro

08/03/2016






Como Surgiu o Feminismo Negro

O feminismo negro ganhou força a partir da segunda onda do feminismo. Esse movimento surgiu devido ao fato do feminismo não ter dado conta de discutir as particularidades da mulher negraNão se trata de uma divisão no Feminismo e sim de um recorte.

A mulher negra por sofrer racismo está em maior vulnerabilidade social, logo ela está mais propícia a sofrer violência , tanto violência doméstica, quanto da violência obstétrica. E são elas também as maiores vítimas de feminicídio.
O mapa da violência de 2015 mostrou que enquanto a violência contra mulher branca caiu 9% a violência contra mulher negra aumentou 54% .

Entendo o Feminismo Negro

Quando se iniciou a onda do Feminismo é bem certo que as mulheres negras também estavam lá, como mencionado anteriormente a questão de gênero une mulheres brancas e negras, porém a mulher negra vivencia situações em seu dia a dia que a mulher branca não vivencia

O sistema não enxerga beleza, feminilidade e sensibilidade na mulher negra,  tanto que o padrão de beleza é sempre de mulher branca. A mulher negra sofre racismo por ser mulher e por ser negra.

Quando se fala em “Fragilidade Feminina’’ fala-se especificamente de um tipo de mulher, a mulher negra nunca foi considerada frágil, ela sempre trabalhou desde o período da escravidão; cuidando dos serviços domésticos, sendo ama de leite de seus filhos de suas senhoras. Quando alforriada virava quituteira para cuidar da família e libertar seus homens ainda escravos.

Atualmente na maioria das vezes a mulher negra está em trabalhos informais, trabalhando na rua, sob o sol para tratar da sua família.

A mulher negra não está protagonizando filmes, séries e novelas, não está mídia, nem nos comerciais, pois alegam que preto não vende. Neste momento você deve está puxando na memória os poucos nomes das que estão ocupando tais lugares não é mesmo?

Mas... reflita comigo,
a população negra soma 52% da população desse país e porque a mulher negra ainda  é minoria ocupando esses espaços?

Estereotipização da mulher negra

Quando não é ridicularizada á mulher negra é hipersexualizada

Hipersexualização do corpo da mulher Negra 

Desde muito tempo a mulher negra é tida como a mulher quente, que gosta de sexo, que é boa de cama. Sendo assim o corpo da mulher negra hipersexualizado e considerado exótico. 

Quem não conhece a expressão da ‘’cor do pecado’’? Isso traz o ar de algo exótico, diferente, gostoso, pecaminoso, impensável, e quase proibido.  Esta é uma forma que permite o patriarcado impor o racismo às mulheres negras até os dias de hoje e o pior ser visto como algo socialmente aceitável. 

Toda essa hipersexualização leva muitas mulheres negras de diferentes classes sociais  ao celibato, resumindo ao termo atualmente conhecido como a ‘’Solidão da Mulher Negra’’.

 Ridicularização do corpo da mulher negra

É comum nos dias de hoje fala-se muito em bullyng, porém a humilhação direcionada aos traços africanos vem atravessando séculos, a sul-africana Saartjie Baartman (1789- 1815) foi uma das principais vitimas históricas. “Apelidada de ‘‘Vênus Hotentote era exibida como atração devido as suas medidas avantajadas.

É comum ver no carnaval pessoas usando a seguinte fantasia: perucas black, corpo pintado de preto e batom vermelhíssimo isso para retratar a mulher negra, ( Nega Maluca). Na TV vários personagens caricatos no qual nenhuma mulher negra se ver representada no mesmo. Isso não deixa de ser uma forma de subjugar a imagem da mulher negra.

Todas as coisas situações referenciadas acima estão presentes na vida da mulher negra, situações essas que são enfrentadas todos os dias a fim de desconstruir tais estereótipos e para afirmar sua identidade.




Turbante: Como usar

02/02/2016


Turbante: Como usar

O Turbante é símbolo de resistência e possui  um papel forte nas religiões de matriz africana. Ele é usado proteger o “ori”, que significa cabeça na língua yorubá.

Na África, tecidos enrolados no corpo fazem parte da cultura; assim os turbantes fazem parte dessa indumentária complementando o conjunto.
O turbante gelê tem funções sociais, religiosas e claro, fazem parte da moda, é usado por homens e mulheres.

O turbante chegou no Brasil influenciado pela cultura africana, é muito usado pelas baianas, como parte integrante do seu traje que, traz o significado de respeito e  valorização da nossa ancestralidade.

Atualmente fala-se muito em apropriação cultural cultural, o que significa que turbante vem sendo usado como moda levando este acessório a perder seu significado e história.
 O que se hoje são simples lenços e bandanas usado como faixa nos cabelos e a sociedade chama de turbante. 

O verdadeiro turbante é de tecido  mais grosso e retangular, o que possibilita várias voltas e amarrações.

Outra questão é fato que quando quando uma pessoa branca usa a sociedade acha elegante, é estiloso e descolado. E quando quem está usando é uma pessoa afrodescendente, mesmo sendo protagonista, usando algo da ''sua''  cultura não é bem visto; não recebe os mesmo elogios da sociedade.

Fico muito feliz quando vejo muitas mulheres negras empoderadas usando seus lindo turbantes, valorizando  nossa cultura negra e orgulho da nossa origem. 

Turbante não é moda, usá-lo é um ato político!

Algumas Inspirações 

Turbante com short
Turbante com saia
Turbante: Como usar
       Leniliz Ornelas | Friends Fhits  | Capulana

Turbante com calça
                             
Turbante com vestido
Turbante: Como usar
                      Dieguez | Samba Arazzo |Leniliz | So Shopaholic





Por que a Consciência Humana não serve

19/11/2015

Dia da Consciência Negra

É chegar o mês de Novembro, mês da Consciência Negra, que lá vem a chorumela de certos indivíduos reproduzindo discursinho pronto de que “Não precisamos de um dia da Consciência Negra e sim de 365 dias de Consciência Humana” .

Como assim um povo tão importante na história desse país; "que fez e faz história carregando este país no braço" como bem diz Elza Soares na canção A Carne, não pode ter um dia para celebrar suas conquistas e revindicar seus direitos?

Aí você vem me dizer que existe o dia da Abolição da Escravatura,
Me diga uma coisa: __ Quem é a pessoa lembrada e exaltada neste dia?

Por que a Consciência Humana não serve?


“Consciência Humana” escravizou o povo negro durante séculos.

A “Consciência Humana”  faz com  que crianças negras sofram bulling nas escolas, 
ela faz com que num país onde 51% da população é negra, os negros sejam minoria na TV, na política, nas faculdades e etc.

Essa “Consciência Humana” nos faz ouvir que nosso cabelo crespo natural é ruim
A tal “Consciência Humana” faz com que mulheres negras sejam as principais vítimas da violência domestica e do feminicídio.

Essa tal “Consciência Humana” aí não livra os universitários negros de lerem frases racistas e preconceituosas nos campus de suas universidades.
... “Consciência Humana” apenas assiste o genocídio da juventude Negra.

Portando a “Consciência Humana”  não serve.
 Dia da Consciência Negra sim, dia da Consciência Negra enquanto for necessário.

“Gritaram-me Negra”

20/11/2013

Eu, negra linda!

Alisei meu cabelo, Passei pó de arroz no rosto, e nas minhas entranhas sempre ecoavam a mesma palavra
NEGRA NEGRA NEGRA NEGRA

Até que um dia eu recuei tanto que ia cair
NEGRA NEGRA NEGRA NEGRA

E o que eu temmm??
Que que tem?
Sim
Sou
Negra
Negra sou

De hoje em diante não quero alisar meu cabelo, e
vou rir das pessoas que por educação e por nos evitar chamam os negros de "GENTE DE COR"

E que cor é essa?
NEGROOO

E que linda eu sou, negra
NEGRA NEGRA NEGRA NEGRA NEGRA NEGRA NEGRAAAA
E dou graças a deus de ter como a cor da pele o negro âmbar


Este é um trecho do poema “Gritaram-me Negra” 
é um poema rítmico musicado da compositora, coreógrafa e estilista, expoente da arte afroperuana Victoria Santa Cruz, que relata uma experiência vivida na infância.

Confira o vídeo na íntegra



Os malefícios do refrigerante

30/10/2013


Os malefícios do refrigerante

Em janeiro deste ano postei este tema, fiquei de certa forma preocupada pensando no assunto e em agosto resolvi deixar de tomar refrigerantes.

Vejam o que acontece com o organismo após ingerir refrigerantes.


Primeiros 10 minutos:
10 colheres de chá de açúcar batem no seu corpo, 100% do recomendado diariamente.Você não vomita imediatamente pelo doce extremo, porque o ácido fosfórico corta o gosto.
20 minutos:
O nível de açúcar em seu sangue estoura, forçando um jorro de insulina.

O fígado responde transformando todo o açúcar que recebe em gordura (É muito para este momento em particular).


40 minutos:
A absorção de cafeína está completa. Suas pupilas dilatam, a pressão sanguínea sobe, o fígado responde bombeando mais açúcar na corrente. Os receptores de adenosina no cérebro são bloqueados para evitar tonteiras.


45 minutos:
O corpo aumenta a produção de dopamina, estimulando os centros de prazer do corpo. (Fisicamente, funciona como com a heroína..)


50 minutos:
O ácido fosfórico empurra cálcio, magnésio e zinco para o intestino grosso, aumentando o metabolismo.

As altas doses de açúcar e outros adoçantes aumentam a excreção de cálcio na urina, ou seja, está urinando seus ossos, uma das causas da OSTEOPOROSE.


60 minutos:

As propriedades diuréticas da cafeína entram em ação. Você urina.

Agora é garantido que ira por para fora cálcio, magnésio e zinco, os quais seus ossos precisariam..


Conforme a onda abaixa você sofrerá um choque de açúcar. Ficará irritadiço.

Você já terá posto para fora tudo que estava no refrigerante, mas não sem antes ter posto para fora, junto, coisas das quais farão falta ao seu organismo... 

Créditos : Prof. Dr. Carlos Alexandre Fett Faculdade de Educação Física da UFMT
BLOG DA MARCY
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL